ANJOS, F. C Fábio Cristovão dos Anjos. Tecnologia do Blogger.

Pai e filhos são internados com doença nunca notificada em Pernambuco

Hospital das Clínicas da UFPE trata três pacientes de Serra Talhada, Sertão de Pernambuco, com coccidioidomicose, uma doença fúngica (Foto: Diego Nigro/JC Imagem) Estão internados no Hospital das Clínicas da UFPE três pacientes com uma doença infecciosa, até então nunca notificada em Pernambuco. Os agricultores, pai e filhos, de Serra Talhada, Sertão do Pajeú, foram diagnosticados com coccidioidomicose, uma doença fúngica que pode ser facilmente confundida com pneumonia comunitária ou tuberculose pulmonar e que pode ainda acometer tecidos moles, articulações, ossos e meninges.


Os pacientes estão sendo tratados com antifúngicos, de acordo com os médicos. O quadro clínico é estável e, após a alta, eles deverão ficar em observação no Ambulatório de Infectologia do hospital. 

A doença é causada pelo fungo Coccidioides immitis e é relatada no sul e no oeste dos Estados Unidos (Califórnia, Texas, Utah, Novo México, Arizona e Nevada) e no México. Na década de 1990, foram diagnosticados os primeiros casos no Brasil, sobretudo no Ceará e no Piauí, vizinhos de Pernambuco. “A coccidioidomicose é uma doença emergente no nosso estado e devemos ficar atentos e vigilantes quando nos deparamos com pacientes que venham de área rural com quadro clínicos semelhantes”, o chefe do Serviço de Doenças Infecto-Parasitárias (DIP) do HC e professor da UFPE Paulo Sérgio Ramos.

A forma mais comum de contágio é pela inalação do fungo em suspensão no solo seco. Os pacientes internados são agricultores e lidam com o manejo da terra, além de praticarem a caça de tatus. Geralmente, a doença é leve e limitada, exceto em pessoas com comprometimento da imunidade.

FONTE: Diário de Pernambuco
Share on Google Plus

Sobre o autor Fábio Anjos

Biólogo Licenciado em Ciências Biológicas, pela Universidade Estadual Vale do Acaraú UVA-CE, Licenciatura Plena, 2010. Atualmente exerce a função de educador nível médio no Projeto Travessia na rede Estadual de Ensino, na Escola Estadual Nossa Senhora Auxiliadora e como também na rede municipal de João Alfredo. O mesmo possui Pós-graduação Lato Sensu em Análises Clínicas pela Faculdade Frassinetti do Recife-FAFIRE-PE, 2012. Cursando mestrado, pela Faculdade Norte do Paraná, no curso de Ciências da Educação e Multidisciplinaridade e cursando espanhol pela Universidade de Pernambuco.
    Comente
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário