ANJOS, F. C Fábio Cristovão dos Anjos. Tecnologia do Blogger.

Morre indonésio que dizia ter 146 anos

Mbah Gotho: Mbah Ghoto (avô Ghoto) pode ter sido o ser humano mais longevo do mundo
© EPA Mbah Ghoto (avô Ghoto) pode ter sido o ser humano mais longevo do mundo

O indonésio que dizia ter 146 anos - o que faria dele o homem mais longevo do mundo - morreu em seu vilarejo em Java Central. De acordo com seus documentos, Sodimedjo, também conhecido como Mbah Ghoto (avô Ghoto), nascera em 1870. 
A Indonésia, no entanto, só começou a registrar oficialmente os nascimentos em 1900 - e vários erros foram cometidos antes disso.
Ainda assim, autoridades que entrevistaram o idoso e analisaram seus documentos informaram à BBC que seu registro é válido.
Mbah Ghoto havia sido hospitalizado em 12 de abril, com a saúde debilitada. Seis dias depois, ele insistiu em ir para casa. 
"Desde a volta do hospital, ele se alimentava apenas de mingau e bebia muito pouco", contou à BBC seu neto Suyanto.
"Isso durou apenas dois dias. Daquele momento até sua morte, ele se recusou a comer e beber". 

Paciência e amor

Quando questionado sobre o segredo de sua longevidade, Mbah Ghoto respondeu à BBC, no ano passado, que paciência era essencial e que ele tinha vivido uma longa jornada "porque era cuidado por pessoas que o amavam". 
Fumante compulsivo até o fim, ele viveu mais que suas quatro esposas, seus dez irmãos e todos os seus filhos - cujo número não é conhecido.
Em seu vilarejo, ele se tornou um herói local por contar ótimas histórias sobre as guerras contra o Japão e os colonizadores holandeses.
Segundo o neto Suryanto, o avô foi enterrado nesta segunda-feira num túmulo comprado vários anos antes.
"Ele não pediu muito. Antes de morrer, ele queria apenas que nós, sua família, o deixássemos ir", contou o neto.
Se confirmada sua idade oficialmente, o Mbah Ghoto terá vivido mais do que a centenária francesa Jeanne Calment, que tinha 122 anos quando morreu, em 1997, e é considerada até hoje o ser humano mais longevo da história.
Share on Google Plus

Sobre o autor Fábio Anjos

Biólogo Licenciado em Ciências Biológicas, pela Universidade Estadual Vale do Acaraú UVA-CE, Licenciatura Plena, 2010. Atualmente exerce a função de educador nível médio no Projeto Travessia na rede Estadual de Ensino, na Escola Estadual Nossa Senhora Auxiliadora e como também na rede municipal de João Alfredo. O mesmo possui Pós-graduação Lato Sensu em Análises Clínicas pela Faculdade Frassinetti do Recife-FAFIRE-PE, 2012. Cursando mestrado, pela Faculdade Norte do Paraná, no curso de Ciências da Educação e Multidisciplinaridade e cursando espanhol pela Universidade de Pernambuco.
    Comente
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário