ANJOS, F. C Fábio Cristovão dos Anjos. Tecnologia do Blogger.

Fim de 'Liberdade, Liberdade': Branca morre envenenada ao tentar matar Joaquina

Fim de 'Liberdade, Liberdade': Branca (Nathalia Dill) morre envenenada ao tentar matar Joaquina (Andreia Horta)
A novela "Liberdade, Liberdade" chega ao fim no próximo mês e promete fortes emoções para o público. Depois da morte de Raposo (Dalton Vigh), mais uma personagem importante vai se despedir antes do fim da trama das onze da TV Globo. Branca (Nathalia Dill) morre envenenada, segundo informações do site oficial do folhetim.
Depois de perder o bebê, a vilã passou a forjar a gravidez com uma barriga falsa e, com isso, conseguiu se casar com Xavier (Bruno Ferrari). Nos próximos capítulos, no entanto, ele descobre a verdade, deixando a filha de Diogo Farto (Genézio de Barros) desesperada. Sabendo do antigo romance do marido com Joaquina (Andreia Horta), ela decide matar a mocinha.
Mesmo após terminar seu noivado com Rubião (Mateus Solano), e sem desconfiar que ele matou seu pai adotivo, Joaquina aceitará se casar com ele nos próximos capítulos. No dia do casamento, Branca tenta envenenar a noiva, mas acaba ela mesma tomando o veneno que preparou para a rival.
Tolentino mata Gironda para salvar André
Em sua reta final, "Liberdade, Liberdade" também terá a morte de Gironda (Hanna Romanazzi). Depois de flagrar Tolentino (Ricardo Pereira) aos beijos com André (Caio Blat), ela denuncia o fidalgo pelo crime de sodomia e ele acaba condenado a forca. Para salvá-lo, o coronel decide matá-la com uma facada, de acordo com o colunista de TV Daniel Castro.
Arrependido da transa com André, Tolentino passa a viver com a prostituta na estalagem. Ela vê os dois juntos e aos beijos e decide se vingar, indoo até a intendência denunciar apenas o fidalgo por um beijo em outro homem. No depoimento, Gironda vai afirmar não ter visto o rosto do outro rapaz. "Vi um homem com outro. Um efeminado, um fanchono! Cometendo um crime! O pecado da pederastia! Tendo relações", dirá. No seu interrogatório, André não negará a acusação, o que passará a ser considerado como uma confissão. O capitão vai ameaçá-lo de tortura, lhe dará uma bofetada, porém não conseguirá com que ele denuncie Tolentino.
No final da surra, o chefe da tropa chegará e conseguirrá salvar o parceiro, alegando que André é filho de um par do reino e, por isso, deve-se esperar a chegada de Rubião. Mesmo assim, o próprio Tolentino prende o filho de Raposo. O noivo de Joaquina explicará que André não será morto caso Gironda desapareça, fazendo com que Tolentino decida matar a prostituta.
O romance entre eles, no entanto, ainda vai sofrer uma reviravolta antes do fim da novela. Um rapaz chegará à Vila Rica e se aproximará de André, deixando Tolentino com ciúmes.
Share on Google Plus

Sobre o autor Fábio Anjos

Biólogo Licenciado em Ciências Biológicas, pela Universidade Estadual Vale do Acaraú UVA-CE, Licenciatura Plena, 2010. Atualmente exerce a função de educador nível médio no Projeto Travessia na rede Estadual de Ensino, na Escola Estadual Nossa Senhora Auxiliadora e como também na rede municipal de João Alfredo. O mesmo possui Pós-graduação Lato Sensu em Análises Clínicas pela Faculdade Frassinetti do Recife-FAFIRE-PE, 2012. Cursando mestrado, pela Faculdade Norte do Paraná, no curso de Ciências da Educação e Multidisciplinaridade e cursando espanhol pela Universidade de Pernambuco.
    Comente
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário