ANJOS, F. C Fábio Cristovão dos Anjos. Tecnologia do Blogger.

Google anuncia venda da Motorola Mobility para a Lenovo

motorola-lenovo-company-logotipo
Google anunciou nesta quarta-feira (29) que fechou um acordo com a chinesaLenovo para vender a divisão de celulares da Motorola, confirmando rumores publicados na noite de hoje. O valor da transação foi de US$ 2,91 bilhões. De acordo com Larry Page, CEO do Google, a venda permitirá que o Google concentre os esforços em inovações que beneficiem todo o ecossistema do Android.

Larry Page diz que o mercado de smartphones é altamente competitivo, afirmando que a Motorola Mobility será melhor administrada pela Lenovo, que lidera o mercado de PCs no mundo e está crescendo rapidamente no segmento de smartphones. Ele afirma que a Lenovo pretende manter a marca da Motorola, assim como a chinesa fez com a linha ThinkPad, comprada da IBM em 2005.
Fazendo referência ao Google Glass, ao Chromecast e à recente aquisição da Nest, Page declara que o mercado de dispositivos móveis é muito diferente do mercado de gadgets domésticos e vestíveis, e que a venda da Motorola Mobility não representa uma grande mudança nos outros esforços de hardware da empresa.
O anúncio soou como uma confirmação de que o Google estava interessado apenas nas patentes da Motorola Mobility ao comprar a fabricante de celulares em agosto de 2011, por US$ 12,5 bilhões. “O Google vai manter a grande maioria das patentes da Motorola, que continuarão sendo usadas para defender todo o ecossistema do Android”, diz Page.
moto-g-music-edition-abre-cor
É importante lembrar que, apesar de ter lançado dois smartphones que agradaram muito ao público pelo custo-benefício, o Moto X e o Moto G, a Motorola Mobility não estava gerando lucro. O último relatório financeiro divulgado pelo Google, referente ao terceiro trimestre de 2013, apontava perdas de US$ 248 milhões. Um ano antes, no terceiro trimestre de 2012, o prejuízo havia sido de US$ 192 milhões.
A Lenovo é hoje a maior fabricante de PCs do mundo e aparentemente também quer se tornar uma gigante dos smartphones, um mercado onde ainda está em quarto lugar, com apenas 4,7% de fatia de mercado, de acordo com o último relatório do IDC, referente ao terceiro trimestre de 2013. A empresa fez grandes aquisições nos últimos anos: comprou a divisão de PCs da IBM em 2005 (US$ 1,75 bilhões), a brasileira CCE em 2012 (R$ 300 milhões) e a divisão de servidores x86 da IBM na semana passada (US$ 2,3 bilhões).
A aquisição da Motorola Mobility pela Lenovo ainda passará pela aprovação dos órgãos reguladores.
Share on Google Plus

Sobre o autor Fábio Anjos

Biólogo Licenciado em Ciências Biológicas, pela Universidade Estadual Vale do Acaraú UVA-CE, Licenciatura Plena, 2010. Atualmente exerce a função de educador nível médio no Projeto Travessia na rede Estadual de Ensino, na Escola Estadual Nossa Senhora Auxiliadora e como também na rede municipal de João Alfredo. O mesmo possui Pós-graduação Lato Sensu em Análises Clínicas pela Faculdade Frassinetti do Recife-FAFIRE-PE, 2012. Cursando mestrado, pela Faculdade Norte do Paraná, no curso de Ciências da Educação e Multidisciplinaridade e cursando espanhol pela Universidade de Pernambuco.
    Comente
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário