ANJOS, F. C Fábio Cristovão dos Anjos. Tecnologia do Blogger.

Defensoria pede fim das restrições para gays doarem sangue no Brasil

Defensoria Pública da União (DPU), em atuação com a Defensoria Pública do Estado da Bahia, deu um prazo de até 30 dias para o Ministério da Saúde rever as restrições que impedem aos homossexuais doarem sangue no Brasil. Os dois órgãos entraram com a recomendação na última terça-feira, dia 19, junto ao governo federal.
O anúncio surgiu quatro dias depois da ONG Grupo Dignidade, do Paraná, ligada aos direitos da comunidade LGBT, solicitar a mesma revisão por parte do ministério. Até hoje, nenhum homossexual que tenha tido relações sexuais durante os 12 meses anteriores pode doar sangue no país.
Pinterest/ Reprodução
Caso o Ministério não cumpra a medida, os defensores estudam questionar a restrição
No documento da DPU, assinado pelos defensores públicos federais Emanuel Marques, Erik Boson, Fabiana Severo, Marcos Teixeira e Pedro Rennó Marinho e pelo defensor público estadual Felipe Noya, o argumento usado é que a restrição é discriminatória, pois "heterossexuais adultos já compõem a maior parcela de novas notificações de infecções pelo vírus HIV, conforme dados do próprio ministério".
Caso o Ministério da Saúde não cumpra a medida no prazo de 30 dias, os defensores já estudam apresentar uma ação civil pública para questionar na Justiça a restrição à doação de sangue por homossexuais.
Share on Google Plus

Sobre o autor Fábio Anjos

Biólogo Licenciado em Ciências Biológicas, pela Universidade Estadual Vale do Acaraú UVA-CE, Licenciatura Plena, 2010. Atualmente exerce a função de educador nível médio no Projeto Travessia na rede Estadual de Ensino, na Escola Estadual Nossa Senhora Auxiliadora e como também na rede municipal de João Alfredo. O mesmo possui Pós-graduação Lato Sensu em Análises Clínicas pela Faculdade Frassinetti do Recife-FAFIRE-PE, 2012. Cursando mestrado, pela Faculdade Norte do Paraná, no curso de Ciências da Educação e Multidisciplinaridade e cursando espanhol pela Universidade de Pernambuco.
    Comente
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário