ANJOS, F. C Fábio Cristovão dos Anjos. Tecnologia do Blogger.

Russo é dado como morto após beber demais e acorda em necrotério

Um homem deu um susto incrível nos funcionários de um necrotério na Rússia, nesta última semana. Após ser declarado como morto devido à ingestão em excesso de bebida alcoólica em uma festa, ele acordou dentro da gaveta onde foi colocado antes de ser enterrado.
Segundo o jornal Khasanskiye Vesti, o rapaz ainda voltou para a festa após “retornar do mundo dos mortos”. Ainda segundo a imprensa local, amigos do russo optaram por chamar uma ambulância após ele desmaiar e não apresentar sinais de vida.
Assim que chegou, a equipe médica declarou o homem como morto e rapidamente o encaminhou para o necrotério. Horas depois, acordou dentro de uma gaveta refrigerada.
“Naquela noite, o necrotério local estava lotado. Os órgãos dos mortos não estavam apenas nas prateleiras, mas também no chão da sala resfriada, onde o nosso herói "morto” foi deixado", afirmou um porta-voz da polícia ao jornal Khasanskiye Vesti.
Espantado com a situação, o homem correu para tentar deixar a sala, mas se viu trancado e entrou em pânico. Seus gritos chamaram a atenção de um funcionário do necrotério, que rapidamente solicitou a presença da polícia e outros médicos.
Após ser interrogado, o rapaz foi liberado pelas autoridades e retornou à festa, para surpresa de seus amigos que já lamentavam sua morte. 
Fonte: Yahoo
Share on Google Plus

Sobre o autor Fábio Anjos

Biólogo Licenciado em Ciências Biológicas, pela Universidade Estadual Vale do Acaraú UVA-CE, Licenciatura Plena, 2010. Atualmente exerce a função de educador nível médio no Projeto Travessia na rede Estadual de Ensino, na Escola Estadual Nossa Senhora Auxiliadora e como também na rede municipal de João Alfredo. O mesmo possui Pós-graduação Lato Sensu em Análises Clínicas pela Faculdade Frassinetti do Recife-FAFIRE-PE, 2012. Cursando mestrado, pela Faculdade Norte do Paraná, no curso de Ciências da Educação e Multidisciplinaridade e cursando espanhol pela Universidade de Pernambuco.
    Comente
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário