ANJOS, F. C Fábio Cristovão dos Anjos. Tecnologia do Blogger.

5 alimentos que parecem saudáveis mas escondem segredos

Ok. A intenção de ter uma alimentação que dê mais benefícios ao seu corpo e de quebra perder uns quilinhos é válida, mas antes de fazer A compra do mês no supermercado, é preciso saber que alguns alimentos escondem calorias e nutrientes que podem não se adequar ao seu estilo de vida.
Veja 5 dicas para não errar ao consumir alimentos “teoricamente” saudáveis:
Saladas
Você já deve saber que nem toda salada é tão magrinha e inofensiva como parece, né? Os grandes vilões são os…molhos! Ao passar pelo buffet de saladas em um restaurante ou ao se servir em casa, lembre-se de que molhos como caesar, maionese ou iogurte, por exemplo, contém muito sódio, açúcar, corantes e conservantes. Na dúvida, vinagre e azeite (em moderação) são temperos mais indicados.
Peito de peru
A olho nu, o peito de peru realmente parece uma opção mais saudável do que o presunto ou a mortadela, por exemplo. Mas o segredo dele é o famoso sódio. Uma inocente fatia de peito de peru pode conter até 250 mg de sal, 10% do que é aconselhado para o consumo de um dia inteiro, de acordo com o Guia Alimentar do Ministério da Saúde. 
Massa de wrap
Algumas massas de wraps prontas à venda nos supermercados têm feito sucesso por serem livres de glúten e terem versões light. Só que, quando se observa a tabela nutricional de perto, percebe-se que este produto tem um teor bem grande de gordura - saturada e até trans -, além, é claro, do sódio em excesso. E nem compensa pelas calorias: uma fatia de massa de wrap pode ser tão calórica quanto duas fatias de pão integral.
Pão integral
Falando no pão integral, todo cuidado com ele também é pouco. Os que são produzidos por grandes marcas geralmente contêm cereais refinados - ou seja, não trazem todos os nutrientes dos cereais in natura. Pães de produção mais artesanal costumam ser mais frescos e realmente saudáveis.
Whey protein
A proteína do whey de fato pode ser boa para o organismo, mas é indicada para quem é atleta ou pega firme nos exercícios. Se este não for seu caso, vale mais a pena investir em alimentos com proteínas naturais (como tofu e castanhas) e não produzidas artificialmente e industrialmente. 
Share on Google Plus

Sobre o autor Fábio Anjos

Biólogo Licenciado em Ciências Biológicas, pela Universidade Estadual Vale do Acaraú UVA-CE, Licenciatura Plena, 2010. Atualmente exerce a função de educador nível médio no Projeto Travessia na rede Estadual de Ensino, na Escola Estadual Nossa Senhora Auxiliadora e como também na rede municipal de João Alfredo. O mesmo possui Pós-graduação Lato Sensu em Análises Clínicas pela Faculdade Frassinetti do Recife-FAFIRE-PE, 2012. Cursando mestrado, pela Faculdade Norte do Paraná, no curso de Ciências da Educação e Multidisciplinaridade e cursando espanhol pela Universidade de Pernambuco.
    Comente
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário