ANJOS, F. C Fábio Cristovão dos Anjos. Tecnologia do Blogger.

Pastor "lambe a bunda" de crentes solteiras para terem maridos

O mundo da religião está cada vez mais distante de ser um mundo onde a palavra de Deus é verdadeiramente seguida tal como encontramos nas escrituras, tudo que hoje vem acontecendo mostra que as igrejas estão mais interessados em atos carnais e não espirituais. 
Essa imagem mostra um pastor que convidou todas as crentes solteiras à praia para ajuda – las a ter marido,  mas para isso todas elas tinham que ficar nuas deixadas na areia e com os rabos inclinados para cima. Todas elas fizeram o que o pastor pediu, e o pastor começou a lambe – las o rabo um por um até terminar o trabalho que tem como objectivo ajudar as crentes solteiras a conseguiram marido,  tudo aconteceu nesse último domingo.
Uma chamada de atenção todos aqueles que dizem ser crentes, não sejam tão burros em crer que um milagre de lambe rabos, vai te dar marido ou te dar a salvação,  toma muito cuidado no que fazes quando vai a igreja, e defina sempre bem o que você procura na igreja, não siga o vento, que ele pode te levar ao inferno ou até a praia.
Se você acha que esse pastor devia prestar contas com a justiça,  pôs eu não.  Todas essas mulheres burras e desesperadas, é que deviam levar uma surra e serem castigadas por terem acreditado numa crença dessas.

Fonte http://destaquesdoserido.blogspot.com.br/2015/01/pastor-lambe-bund
Share on Google Plus

Sobre o autor Fábio Anjos

Biólogo Licenciado em Ciências Biológicas, pela Universidade Estadual Vale do Acaraú UVA-CE, Licenciatura Plena, 2010. Atualmente exerce a função de educador nível médio no Projeto Travessia na rede Estadual de Ensino, na Escola Estadual Nossa Senhora Auxiliadora e como também na rede municipal de João Alfredo. O mesmo possui Pós-graduação Lato Sensu em Análises Clínicas pela Faculdade Frassinetti do Recife-FAFIRE-PE, 2012. Cursando mestrado, pela Faculdade Norte do Paraná, no curso de Ciências da Educação e Multidisciplinaridade e cursando espanhol pela Universidade de Pernambuco.
    Comente
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário