Brryan Jackson era apenas um bebê quando foi vítima do seu próprio pai, um técnico em hematologia que, enquanto se separava da mãe do garoto, tomou uma decisão inaceitável 

A história de Brryan Jackson

Durante a internação do filho por causa de asma, o homem aproveitou um momento em que ficou sozinho com o garoto para injetar nele o vírus HIV

A história de Brryan Jackson

Por não ter usado o mesmo sangue que o do bebê, a reação foi imediata, mas os médicos acreditaram que eram efeitos da asma

A história de Brryan Jackson

Ainda sem saber o que havia ocorrido, a mãe de Brryan via o filho, então com 5 anos, sofrer com febre alta, fígado inchado e fungos debaixo das unhas. Foi durante uma internação em um hospital em St. Louis, nos EUA, que os exames sanguíneos mostraram o problema

Mãe do jovem

O caso era tão grave que os médicos lhe deram apenas mais 5 meses de vida, mas o garoto resistiu e, hoje, com 25 anos, percorre os Estados Unidos como palestrante motivacional

A história de Brryan Jackson

Em uma entrevista ao programa de rádio "Outlook", Brryan contou um pouco do seu drama: "Minha mãe tinha um filho de um relacionamento anterior quando conheceu meu pai e ambos decidiram ter uma nova criança. Mas quando ele voltou da Primeira Guerra do Golfo (em 1991, quando serviu como soldado), suas atitudes em relação a mim tinham mudado completamente. Ele começou a dizer que eu não era seu filho"

Brryan aos 5 anos

Na liderança da ONG Vivendo com Esperança, Brryan quer divulgar a doença e promover a solidariedade com os portadores do vírus

A história de Brryan Jackson

Ele contou que sofreu muito preconceito durante a vida, inclusive em uma escola em que não tinha permissão para usar bebedouros e banheiros. Ele também não era convidado para festas de aniversário nem tinha amigos, o que o levou a acreditar que não “havia espaço para ele neste mundo”

Brryan e sua namorada

O jovem chegou a pensar em suicídio, mas se apoiou na religião e diz que conseguiu até mesmo perdoar o pai, Brian Stewart, que foi condenado à prisão perpétua em 1998. Mesmo sem nunca ter convivido com o pai, Brryan teme que ele seja solto graças a um pedido de liberdade condicional que será examinado ainda este ano 

A história de Brryan Jackson

"No começo, senti muita raiva dele. Cresci vendo filmes em que pais eram maravilhosos para seus filhos e não conseguia entender como o meu tinha feito aquilo comigo. Ele não apenas tentou me matar, mas mudou minha vida para sempre. Mas quero viver a minha vida", revelou o jovem

A história de Brryan Jackson