ANJOS, F. C Fábio Cristovão dos Anjos. Tecnologia do Blogger.

As 18 comidas mais perigosas do mundo

Slide 1 de 18: <p>Last year, a World Health Organization (WHO) report revealed that eating processed meat can lead to bowel cancer, while red meats are probably carcinogenic. International Agency for Research on Cancer, WHO's specialized cancer agency, has categorized processed meats like hot dog, sausage and bacon in the same group with tobacco, asbestos and diesel fumes, which are proven carcinogenic agents. Here are some other foods that have the potential to make you very sick or even kill you.</p> Em 26 de outubro de 2015, a Organização Mundial da Saúde (OMS) publicou uma pesquisa onde revelou que comer carne ultraprocessada pode levar a câncer intestinal, enquanto as carnes vermelhas, se consumidas em excesso, podem se tornar cancerígenas. A Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer, agência da OMS especializada sobre o tema, categorizou carnes ultraprocessadas como salsicha, linguiça e bacon no mesmo grupo que o tabaco, amianto e diesel, que possuem agentes cancerígenos comprovados. Aqui estão outros alimentos que podem se tornar perigosos quando ingeridos em excesso, e trazer riscos à saúde.

Slide 2 de 18: <p>Bullfrogs are usually considered a delicacy in certain African nations, where people eat the whole frog, not just the legs. However, they contain a range of toxic substances harmful to humans, especially young frogs who are yet to breed — they carry a toxin that can lead to kidney failure.</p> 
Rãs-gigantes são consideradas uma iguaria em certas nações africanas, onde as pessoas comem o sapo inteiro, e não apenas as pernas. No entanto, elas contêm uma série de substâncias tóxicas e nocivas para os seres humanos, especialmente as rãs jovens que ainda vão procriar. Elas carregam uma toxina que pode levar à insuficiência renal.
Slide 3 de 18: <p>Absinthe is a mixture of wormwood, sweet fennel and sweet anise. Wormwood contains a toxic chemical named thujone, which has psychoactive properties. The drink has been blamed for social disorders, suicides, tuberculosis and even epilepsy.</p> 
O absinto é uma mistura de losna, erva doce e anis doce. O absinto contém um produto químico tóxico chamado tujona, que tem propriedades psicoativas e se transforma em um alucinógeno viciante. A bebida vem sendo culpada por transtornos sociais, suicídios, tuberculose e até epilepsia.
Slide 4 de 18: Most of us prefer our food to be dead when it reaches our plate – but not in Korea. There you can order live octopus, which is chopped up and seasoned while still alive. The danger is the suction cups, which are still active and can stick to your throat, potentially suffocating you. 
A maioria de nós prefere que a comida já chegue ao nosso prato morta, mas não na Coreia. Lá você pode pedir o polvo vivo, que é cortado e temperado em vida. O perigo são as ventosas, que ainda estão ativas e podem prender na sua garganta, te sufocando.
Slide 5 de 18: Some wild mushrooms look innocent but are actually lethal, like the Death Cap (pictured). Take a bite and you're likely to experience abdominal pain and vomiting. Eaten in large amounts they can cause liver, kidney and heart damage, which may ultimately lead to death. 
Alguns cogumelos selvagens parecem inocentes, mas eles geralmente são letais, como o Cicuta Verde (foto). Dê uma mordida e é provável que você tenha dor abdominal e vômitos. Se comido em grandes quantidades, pode causar danos ao fígado, rins e coração, o que pode levar à morte.
Slide 6 de 18: Pufferfish, or “fugu”, is the world’s most dangerous delicacy. Chefs in Japan go through several years of training to learn how to remove the toxic parts of the fish, which are 1,200 times more poisonous than cyanide. Eating just a tiny amount (a pin head) of the wrong bit can be lethal. 
Peixe-balão, baiacu ou fugu, é a iguaria mais perigosa do mundo. Chefs no Japão passam por muitos anos de treinamento para aprender a remover as partes tóxicas do peixe, que são 1.200 vezes mais venenosas que o cianeto. Comer uma pequena quantidade (o equivalente a uma cabeça de um alfinete), depois de uma mordida errada, pode ser letal.
Slide 7 de 18: Popular in Iceland, Hákarl is rotten shark meat that has been fermented and then hung to dry for several months. First-timers are advised to hold their nose when trying. 
Hákarl — carne de tubarão que foi enterrada para fermentar em seus próprios fluídos, depois retirada para secar - é apreciada na Groenlândia. O problema é que o animal não possui trato urinário, o que significa que substâncias potencialmente tóxicas podem ficar armazenadas em sua carne.
Slide 8 de 18: Loved in Jamaica, ackee fruit must only be eaten when fully ripe and properly prepared. Eat too soon and toxins in the fruit can result in severe vomiting and can even lead to death. 
Amada na Jamaica, a fruta akee só deve ser comida quando totalmente madura e devidamente preparada. Coma antes de amadurecer e as toxinas da fruta podem te dar vômitos graves e até mesmo levar à morte.
Slide 9 de 18: Cassava is eaten widely in Africa and South America – but must be very thoroughly cooked before being eaten. Chew it raw, and an enzyme in the tuber converts into cyanide. 
A mandioca é muito apreciada na África e na América do Sul, mas deve ser bem cozida antes de ser comida. Mastigue-a crua e uma enzima do tubérculo se transforma em cianeto.
Slide 10 de 18: For the same reason, tapioca (which is made from the root of the cassava plant) must be prepared properly to avoid poisoning. 
Pelo mesmo motivo, a tapioca (que é feita a partir da raiz da planta de mandioca), deve ser preparada adequadamente para evitar envenenamento.
Slide 11 de 18: Peanuts are fine – as long as you don’t have an allergy. Peanuts account for more food allergy deaths than any other food. Pretty scary when you consider it affects around 1% of people. 
Os amendoins são ótimos, desde que você não tenha alergia. Amendoins contabilizam mais mortes por alergia alimentar do que qualquer outro alimento. Muito assustador quando você considera que isso afeta cerca de um por cento das pessoas.
Slide 12 de 18: Rhubarb stalks are great in a crumble – but avoid the leaves at all costs. They contain poisonous toxins which could make you very sick, or even kill you. 
Os talos de ruibarbo são ótimos em caso de desnutrição, mas evite as folhas a todo custo. Elas contêm toxinas venenosas que podem te deixar muito doente, ou até mesmo matá-lo.
Slide 13 de 18: Even if you don’t have a nut allergy, never eat a cashew nut from the tree. Raw cashews contain a toxic substance that can be fatal if eaten in large quantities. The raw cashews in supermarkets have been steamed to remove the dangerous chemical. 
Mesmo que você não tenha alergia a castanhas, nunca coma uma castanha de caju da árvore. Os cajus crus contêm uma substância tóxica que pode ser fatal quando consumidas em grandes quantidades. Os cajus in natura nos supermercados foram cozidos no vapor para remover a substância .
Slide 14 de 18: Bean sprouts are one of the worst foods for harbouring E. coli, salmonella, and listeria – bacteria which thrive in the same warm, humid conditions that sprouts are grown in. Bean sprouts grown in Germany were identified as the likely cause of an outbreak of E. coli that killed 22 people and sickened hundreds more in Europe in 2011. 
Brotos de feijão são um dos piores alimentos por abrigar as bactérias E. coli, salmonela e listeria - que se proliferam nas mesmas condições quentes e úmidas nas quais nascem os brotos. Os brotos de feijão cultivados na Alemanha foram identificados como a provável causa de um surto de E. coli que matou 22 pessoas e deixou centenas doentes na Europa, em 2011.
Slide 15 de 18: Shellfish can be incredibly dangerous if you have an allergy. While some people experience hives, itching, swelling, wheezing, and abdominal pain, others can go into anaphylactic shock, which stops them from breathing and can be life-threatening without medication. 
Os mariscos podem ser incrivelmente perigosos se você tiver algum tipo de alergia. Enquanto algumas pessoas podem apresentar erupções na pele, coceira, inchaço, e dor abdominal, outras podem entrar em choque anafilático, o que impede a respiração e pode ser fatal se não for medicada a tempo.
Slide 16 de 18: Even if you don’t have a shellfish allergy, blood clams are best avoided. The clams can harbour hepatitis A, typhoid and dysentery because they live in lower-oxygen environments. Blood clams from Chinese waters have been linked to hepatitis outbreaks.Mesmo que você não tem alergia a marisco ou amendoim, é melhor evitá-las. Os moluscos podem possuir hepatite A, febre tifóide e disenteria, pois vivem em ambientes com pouco oxigênio. Estes moluscos das águas chinesas foram associados a surtos de hepatite.
Slide 17 de 18: Elderberry jam (made from the berries) is delicious but avoid the leaves, twigs and seeds as eating them can cause vomiting. Pick only ripe berries and avoid eating them raw. 
O doce de sambucus (feito a partir do fruto), é delicioso, mas evite as folhas, os galhos e as sementes, pois se comer pode ter vômitos. Escolha apenas frutas maduras e evite comê-las cruas.
Slide 18 de 18: The milk we buy from the supermarket is pasteurised but there are people who drink and make cheese from raw milk. Milk that hasn’t been pasteurised (heated to a high temperature and rapidly cooled down) is far more likely to contain salmonella, E. coli and listeria. 
O leite que compramos no supermercado é pasteurizado, mas há pessoas que bebem e fazem queijo de leite cru. O leite que não foi pasteurizado (aquecido a alta temperatura e rapidamente esfriado) é muito mais propenso a conter salmonelas, E. coli e listeria. 

Fonte
http://www.msn.com/pt-br/receitasebebidas/noticiasdealimentos/as-18-comidas-mais-perigosas-do-mundo/ss-BBEFKtF?li=AAggXC1#image=18
Share on Google Plus

Sobre o autor Fábio Anjos

Biólogo Licenciado em Ciências Biológicas, pela Universidade Estadual Vale do Acaraú UVA-CE, Licenciatura Plena, 2010. Atualmente exerce a função de educador nível médio no Projeto Travessia na rede Estadual de Ensino, na Escola Estadual Nossa Senhora Auxiliadora e como também na rede municipal de João Alfredo. O mesmo possui Pós-graduação Lato Sensu em Análises Clínicas pela Faculdade Frassinetti do Recife-FAFIRE-PE, 2012. Cursando mestrado, pela Faculdade Norte do Paraná, no curso de Ciências da Educação e Multidisciplinaridade e cursando espanhol pela Universidade de Pernambuco.
    Comente
    Comentar com Facebook

0 comentários:

Postar um comentário